5 Factos Interessantes sobre a Ilha Grega de Mykonos

Descubra os nossos factos interessantes favoritos sobre a ilha pitoresca de Mykonos.

PARTILHE:


Famosa pelas suas fantásticas praias e atmosfera de festa, Mykonos é uma ilha incrivelmente bela que atrai milhares de visitantes cada ano, para não mencionar celebridades de cada canto do mundo. Desde passeios turísticos e ótimas compras até praias de areia dourada, desportos aquáticos empolgantes e uma vida noturna incrível, há uma longa lista de coisas emocionantes para fazer e ver nesta ilha deslumbrante. Não é segredo que Mykonos é verdadeiramente um dos melhores lugares para visitar no mundo, mas há muitos factos divertidos e interessantes a saber sobre este destino magnífico do Mar Egeu.


Partilhamos alguns factos menos conhecidos sobre Mykonos que deve ter em atenção antes de lá ir.

Facto 1: Mykonos é onde encontrará o famoso naufrágio de Anna II

O naufrágio de Anna II pode ser encontrado no fundo do oceano perto da Praia Lia na região sudoeste de Mykonos. Construído em 1966 por um estaleiro na Holanda, Anna II era um navio de carga com 62 metros de comprimento que afundou a Julho de 1995. O naufrágio situa-se a uma profundidade de cerca 25 metros e ainda se encontra em bom estado, tornando-o ideal para mergulhadores experientes que gostam de se aventurar por locais de mergulho e de explorar naufrágios fascinantes. Como já se encontra debaixo do mar por mais de duas décadas, o naufrágio do Anna II atraiu uma grande variedade de vida marinha e está agora rodeado por um magnífico coral e esponjas coloridas enormes.

Facto 2: As ruas estreitas que parecem labirintos foram desenhadas para confundir piratas

Há séculos atrás, o Egeu era um refúgio para piratas, sendo Mykonos um dos seus pontos favoritos. Os habitantes da ilha decidiram construir um labirinto de estradas e faixas infinitas, que foram deliberadamente desenhadas para serem suficientemente estreitas para confundir os piratas e ajudar o povo de Mykonos a se protegerem das invasões dos piratas. Ainda nos dias de hoje, estas ruas estreitas conseguem confundir visitantes, mas passear pelas vielas branqueadas e os belos caminhos calcetados de Mykonos é essencial e uma experiência verdadeiramente inesquecível.

Facto 3: Petros o Pelicano é a mascote oficial de Mykonos

No ano de 1958, um pescador de Mykonos encontrou um pelicano ferido à beira da costa da ilha e decidiu levar o pássaro para casa para cuidar dele até que ficasse saudável novamente. O pescador forneceu ao pelicano ferido um abrigo e medicação e mais tarde libertou o pássaro quando ele finalmente recuperou as suas forças. Contudo, quando o pescador o libertou, ele ficou surpreendido em descobrir que o pelicano permaneceu na ilha, a voar pelas ruas estreitas, a pescar no porto e a fazer amizades com os locais. Os residentes de Mykonos apaixonaram-se pelo pelicano, que eventualmente foi chamado de Petros e adotado como a mascote da ilha. O Petros tornou-se rapidamente um sucesso com os turistas também e continou a viver alegremente na ilha por cerca de 30 anos.


Quando o pássaro infelizmente faleceu nos anos de 1980, as pessoas da ilha estavam de luto e tiveram dificuldade a aceitar a sua morte. Embora nenhum outro pelicano pudesse substituir o Petros, os locais ainda queriam manter a tradição da mascote viva. Um visitante frequente de Mykonos, Jackie Kennedy-Onassis deu à ilha um pelicano fêmea chamada Irene e o Zoo de Hamburgo doou um pelicano que herdou o nome Petros. Depois, em 1995, os locais encontraram outro pelicano ferido do qual cuidaram na ilha (assim como aconteceu ao Petros original) e deram-lhe o nome Nikolas.


Hoje, Mykonos é casa de vários pelicanos que gostam de entreter os visitantes e continuar o legado incrível de Petros, a mascote oficial da ilha.

Facto 4: A ilha abriga mais de 400 igrejas e capelas

Existem centenas de capelas na ilha, muitas das quais foram classificadas como munumentos históricos pelo Ministério da Cultura. A cidade de Mykonos (Chora) tem mais de 60 igrejas sozinha e a ilha até tem alguns locais de culto que foram construídos durante os inícios do período bizantino. Em tempos passados, as pessoas de Mykonos construiam as suas igrejas de frente para o mar pois acreditavam que ajudaria os marinheiros a manterem-se a salvo e a evitarem quaisquer perigos durante as suas viagens. Situada na área de Kastro, a Igreja de Panagia Paraportiani é a mais famosa internacionalmente e tornou-se um símbolo icónico da ilha.

Facto 5: Há um código de cores para todas as portas e janelas

Uma das primeiras coisas que as pessoas reparam quando visitam Mykonos são as portas e janelas coloridas, que são normalmente pintadas de azul, vermelho ou verde. A tradição de usar estas cores extravagantes remonta ao tempo em que os marinheiros pintavam as portas e persianas de azul, os agricultores pintavam as suas portas e o caixilho da janela de verde e todos os outros pintavam as suas portas e janelas de vermelho. Hoje em dia, muitos visitantes adoram passear pelas ruas charmosas de Mykonos para admirar os edifícios branqueados decorados com portas, janelas, escadas e varandas coloridas.


Esperamos que a nossa lista de factos interessantes tenha melhorado o seu conhecimento sobre Mykonos e o ajude a tornar o seu tempo na ilha um pouco mais agradável e memorável.